Banho ao cão SEM água

Sim, é possível dar banho ao cão sem utilizar água! Dar banho ao cão não precisa de ser aquela ginástica exaustiva onde consequentemente ficam molhados o dono e cão.

A higiene dos nossos cães é um tema muito importante, o qual merece toda a nossa atenção. Todos queremos que os nossos melhores amigos andem sempre nos trinques: Cheirosos, com o pêlo sedoso e brilhante.

Até porque utilizar o nosso cão como “arma” de engate, na rua a passear, dá sempre aquele ponto extra se formos papás ou mamãs de um patudo todo “fancy”!

Mas todos sabemos que manter o nosso cão nos trinques pode ser uma verdadeira prova Olímpica!A verdade é que os cães, na sua maioria, têm uma atração para a sujidade! Algo quase que magnético! Rebolar na lama, saltar nas poças e esfregar os “corpitxos” sexys na relva é algo que lhes dá imenso prazer. E que nos tira a nós dono do sério! 

Esta atitude por parte dos nossos cães é perfeitamente normal, diariamente os cães andam no meio das nossas coisas: roupas da cama, sofás, colo e pela casa. No meio dos humanos acabam ganhando cheiros e odores que não lhes agradam, ao que assim que têm uma oportunidade procuram cheiros próprios os da asua Natureza, mais primitiva, o que lhes dá algum conforto. Nós bem queremos que eles sejam príncipes e princesas, masa verdade é que debaixo de toda aquela elegância vive um “porquinho” que se quer soltar.

Para nós donos pode ser angustiante assistir aquele cenário de porquice,e imaginar a aventura que vai ser o banho.Eu, como “pai” de duas malucas nesse campo, bem sei ador no coração que é ver elas a rebolar na sujeira a cada saída. Mas a verdade é que vejo-as tão felizes que só consigo estar feliz igual,e deixar que elas sejam cão! Um cão feliz!

O que nos faz ficar de coração nas mãos é na verdade imaginar a aventura do banho. Pois nem todos os cães aceitam bem o banho, além de alguns exigirem uma maior logística devido a porte e pêlo.

Antes de revelar a forma mágica de dar banho ao cão sem utilizar água, vejamos algumas considerações sobre o banho tradicional.

Considerações sobre o banho (banho com água)


Frequência

Varia mediante o tipo de pêlo, estilo de vida e necessidade do cão.Ao que nesse campo o melhor mesmo é falar com o vosso veterinário. Porém em média é estimado que deva ser sensivelmente 1 vez por mês, alguns 15 em 15 dias, mas novamente digo que é um assunto sensível e que varia muito.

Alerta!!!!

O banho, com água, NÃO deve ser excessivo.Os cães não têm necessidade de dar banho como os humanos, ao que dar banho em excesso é totalmente desnecessário e pode comprometer a saúde dos nossos cães.

O banho excessivo vai reduzir as defesas naturais na pele dos nossos patudos, além que deixar a pele mais seca, e desregular a camada de gordura á superfície. Uma pele seca é muito mais propícia a desenvolver fungos, bactérias, irritações e comichão.  

Falando de óbvios, óbvio também será que NUNCA devemos usar produtos para Humanos, nem mesmo de crianças. Isto porque o PH da pele dos nossos cães é muito diferente do nosso, consequentemente dos nossos produtos também. Portanto tudo o que sejam produtos de banho para Humanos ou as famosas toalhitas são proibidas para os cães.

Malaseb acaba com as irritações

Para cães com pele mais sensível temos uma dica. Existe um shampoo, Malaseb, que é sensacional no que toca a controlar fungos, bacterias, comichão excessiva e pequenas irritações.

Este não é um caso de shampoo seco

Idade para começar

O cão está apto para oprimeiro banho, de água, ao fim do processo de imunização.Este acontece sensivelmente por volta dos 4/5 meses,também coincidente com a altura em que já deve ter a vacinação essencial e principal completa.

Agora vamos ao que interessa!!

Não vai ser preciso enxugar, utilizar secador e por o vosso melhor amigo em stress.

Banho ao cão sem usar água

O famoso banho a seco, para este NÃO vamos utilizar água. Vamos utilizar apenas:

– Shampoo seco

– Toalha (seca)

– Escova

O banho a seco para cães é ideal para cachorrinhos que ainda não possam tomar banho, cães que se sujam com frequência ou quando temos alguma sujidade mas nada que exija um banho intenso. Portanto, ideal para o dia a dia! 

No banho a seco é utilizado o shampoo seco, tem forma de spray, o qual vai ajudar a:

– Eliminar odores

– Desembaraçar o pêlo

– Reduzir a oleosidade do pêlo

– Dissolver as gorduras e sujidade entranhada no pêlo

O shampoo seco é a ferramenta ideal para manter o vosso cão sempre nos trinques. Além de evitar os banhos excessivos, que como já vimos são prejudiciais, este pode ainda ser utilizado diariamente.  

É igualmente importante no Inverno, pois ao evitar a utilização de água evita que o cão se constipe. Claro que a água seria morna, mas ainda assim sabemos que alguns patudos podem sofrer com as diferenças de temperatura.

O shampoo seco é ainda uma arma muito eficiente para cães de pêlo comprido no Inverno. No Inverno por têndencia os donos evitam cortar o pêlo, logo exige mais manutenção. Com o shampoo seco vão poder fazer uma manutenção adequada, com os mesmos efeitos da água mas sem utilizar água.

Como dar banho seco

O banho a seco é simples, prático e rápido:

1. Devemos garantir que o cão não faz alergia ao produto escolhido

Antes de utilizar o produto na integra,e dar banho ao cão, é aconselhado a aplicar o spray numa determinada zona e ficar atento assim por sensivelmente 1 diapara garantir que o spray é inofensivo ao nosso melhor amigo. Isto porque, mesmo podendo ser aplicado em patudos, alguns são mais sensíveis e intolerantes no que toca a facilidade em ter uma pele irritável.

2. Escovar

A fim de garantir que o shampoo seco é eficiente devemos primeiro escovaros nossos cães, para desembaraçar o pêlo e remover algumas poeiras ou sujidade agarrada (lama).

3. Aplicar o shampoo seco (spray)

Com sensivelmente 10 cm devemos aplicar o spray em todo o pêlo cobrindo todas as áreas. O spray pode e deve ser aplicado até que o pêlo fique assim mais para o húmido/molhadinho, como quando apanhamos uma chuvinha leve.Deixar atua assim por uns 5 minutos.

4. Enxugar com uma toalha

Não que seja literalmente enxugar, até porque o cão ficou praticamente seco, mas devemos remover o excesso com uma toalha. Nada de movimento bruscos e exagerados, sem esfregar devemos apenas absorver para a toalha o excesso.

5. Escovar

Para finalizar e distribuir o shampoo pelo pêlo devemos escovar e assim finalizamos o processo.

Incrivelmente fácil não é?

Mas e que shampoo utilizar?

Shampoo seco da Animology

Mucky Pup: Animology

Aqui em casa o shampoo seco utilizado é o Mucky Pup da Animology. Especial para cachorros pode ser utilizado nos pequenos e graúdos. Esta foi uma agradável surpresa que recebemos da TaiLovers. Tendo sido o item que mais se destacou na TailPerfect Box

Para nós tem sido uma surpresa, deixa o pêlo lisinho, sedoso, brilhante e cheiro. Além de remover facilmente as poeiras e sujidades que ficam entranhadas no pêlo. Sem dúvida uma ótima opção que pode ser utilizada diariamente para manter e cuidar da higiene nos nossos melhores amigos.

Aqui em casa, e como muito de vocês sabem, as miúdas são umas “porquinhas”, ao que utilizar um shampoo seco no final de cada passeio é indispensável! Tem sido mesmo muito bom poder contar com este shampoo.Dessa forma evito os banhos excessivos, e stress, e mantenho a Ahri e Nymeria sempre limpinhas, ou pelo menos tento!

Matilha este foi mais um artigo, espero que tenha gostado e que considerem útil e interessante. Muito obrigado pelo vosso carinho, que tem sido essencial neste arranque de novo projeto, fico muito feliz em contar sempre com o vosso apoio!

Já sabem podem sempre encontrar-nos no Instagram, Ahri_thejack, onde podem falar mais á vontade connosco e aproveitar para deixar o vosso Feedback. Da vossa parte e se gostarem, partilhem com os amigos e ajudem a dar aquele boost inicial! Obrigado

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *