Sign In

Deixar o cão andar de carro com a cabeça de fora? Sim ou não?

Deixar o cão andar de carro com a cabeça de fora? Sim ou não?

É cada vez mais comum os donos levarem os seus amiguinhos de quatro patas consigo no carro. Alguns adoram e mal entram no veículo dirigem-se logo para a janela, onde esperam passar longos momentos com o focinho de fora ao vento. Por mais que gostemos da ideia do nosso pet se estar a divertir, já pensou se esta prática faz mal ao seu cão ou quais são os riscos aderentes?

Existem riscos em deixar o animal com o focinho de fora?

Poucos são os cães que não desfrutam da sensação do vento a bater no focinho durante uma viagem de carro, mas existem vários riscos em deixar isto acontecer.

Ao viajar com o focinho de fora, o cachorro está sujeito a que lhe entrem insetos, poeiras ou pequenas pedras nos olhos ou lhe batam no rosto, podendo causar lesões graves.

Através deste comportamento, as orelhas ficarão demasiado expostas ao vento, podendo provocar irritações ou inflamações em cães com as orelhas mais pequenas.

Num cenário mais aterrador, o animal pode pular para fora do automóvel numa paragem ou ser arremessado numa curva ou numa travagem mais brusca.

Se fizer questão de viajar com as janelas abertas, evite qualquer um destes acidentes, transportando o seu animal de estimação dentro de uma transportadora ou com um cinto de segurança.

Prev Post
Dino Parque reabriu ao público com descontos e mais segurança
Next Post
Ansiedade de separação em animais domésticos

Add Comment

Your email is safe with us.

0
Close

Your cart