Sign In

O que é a Dieta BARF? Devo dar ao meu animal?

O que é a Dieta BARF? Devo dar ao meu animal?

A comida é parte significativa do desenvolvimento e bem-estar dos animais, tornando a escolha do tipo de alimentação que dará ao seu animal de estimação uma decisão importante.

O que é a dieta BARF?

A dieta BARF (Biologically Appropriate Raw Food) é uma dieta natural, saudável e biologicamente apropriada, sem recurso a rações industriais altamente processadas e repletas de aditivos.

Esta alimentação comtempla alimentos como carne crua, vísceras, ossos, cartilagens (de frango, peru, vaca, entre outros) e vegetais. Deixado de lado cereais, corantes, conservantes ou qualquer tipo de ingrediente artificial. Sendo uma tentativa de recriação da alimentação que o animal encontraria no seu “habitat natural”.

Anatomicamente, estes animais estão aptos a comer carne e ossos crus, devido à estrutura morfológica dos seus dentes e mandíbulas, ao pH ácido do estômago e sistema digestivo curto.

A BARF é recomendada a todos os animais?

Uma dieta à base de carne crua é bastante eficaz na manutenção de todos os nutrientes e enzimas essenciais ao bom funcionamento do organismo. Contudo, todo o tipo de alimentação irá depender do tipo de cão, do seu estilo de vida e do seu estado de saúde e a dieta BARF não é exceção. Animais com determinadas patologias gastrointestinais e dermatológicas poderão ter estas condicionantes melhoradas através desta alimentação mais natural. Por outro lado, animais imunossuprimidos, com doenças hepáticas ou renais poderão não beneficiar tanto deste tipo de dieta.

Vantagens da dieta BARF

  1. Melhora a digestão
  2. Microflora intestinal mais saudável
  3. Ajuda na regularização do peso corporal
  4. Diminui a incidência de doenças
  5. Proporciona um pelo e uma pele mais saudáveis
  6. Contribui para a hidratação, uma vez que os alimentos no seu estado natural contêm uma maior percentagem de água
  7. Ajuda na redução de acumulação de tártaro e mantém os dentes limpos
  8. Fezes menos volumosas

Existem desvantagens?

  1. Potencial fonte de infeções bacterianas e parasitárias, a ingestão de carne não cozinhada constitui um risco para a saúde pública, uma vez que o animal que se alimenta da mesma pode tornar-se uma fonte de infeção, excreta nas fezes bactérias e parasitas patogénicos, que podem ser transmitidos aos seres humanos coabitantes
  2. A ingestão de ossos apesar de melhorar a saúde oral é também bastante perigosa, pelo que pode causar traumatismos gastrointestinais graves.

Por onde começar para implementar esta dieta ao meu animal?

Se optar por praticar esta dieta, saiba que pode comprar os alimentos liofilizados ou congelados, mas também poderá preparar os mesmos em casa. É aconselhado que consulte o médico veterinário antes de começar esta dieta, para que seja adaptado um plano alimentar adequado às necessidades do seu companheiro.

Após começar, a realização de check-ups regulares é recomenda para que se determine se o animal consume a quantidade de proteína, fibra, minerais e vitaminas sugerida.

Prev Post
Viajar de comboio com animais
Next Post
3 livros para ler nestes dias de chuva

Add Comment

Your email is safe with us.

0
Close

Your cart